Posts Tagged ‘q de qualidade’

Duelo de Titãs

17 setembro 2008

Em complemento ao post antigo sobre o Q de Qualidade da Rede Globo, seguem o filme da Globo e a resposta da Record:

Anúncios

Novela Japonesa

30 julho 2008

Até a galera da Globo tomar alguma atitude para melhorar a programação (principalmente novelas…)! Aliás tá foda aquele efeito de balada que eles usaram em uma cena com a Marina Ximenes que eu vi (só assisti por causa dela… que ximena ela é ou tem…. hauhaua).

Agora tem uma novela (amadora + japonesa) no YouTube chamada Mina e Lisa, o roteiro é sobre a perda de virgindade da Mina ou da Lisa… sei lá… tá parecendo dupla sertaneja que você nunca sabe quem é quem como Chitãozinho e Xororó, Gian e Giovani, Edson e Hudson, Sandy e Junior e Gordo e Magro… huahuahua (você só descobre quem é quem depois que alguém morre – piada de mal gosto – ou se separam tipo o Sandy e a Junior)!!!

Bom assistam pelo menos alguns capítulos:

Mina e Lisa no YouTube (primeiro episódio): http://br.youtube.com/watch?v=I5aAa67m58g

Matéria da na revista Made in Japan: http://madeinjapan.uol.com.br/2008/03/04/novela-nikkei-faz-sucesso-na-rede/

E leiam o antigo post que falei sobre a Globo e eles ficaram estressadinho depois: Q de Qualidade da Rede Globo

Q de Qualidade da Rede Globo

8 junho 2008

Antes de ler o post sobre a Globo, pense em uma coisa: Nem todo mundo está 100% satisfeito com a sua aparência, mas todos estão sempre satisfeitos com o seu cérebro… Essa atitude não leva à evolução, ou em um ditado mais popular: O pior cego é aquele que não quer ver

Agora pode ler!

Após o meu último post sobre o que o Financial Times (eu não) disse em relação a Rede Globo, recebi um comentário do Djalma falando que 35 pontos de audiência não é ruim. Obviamente não é ruim, e poucas emissoras conseguiriam de alguma forma atingir esse mesmo patamar.

Mas o FATO é que 35 pontos é abaixo da média da Rede Globo para a novela das 8 (que começa as 9). Tão ruim que a VEJA (e não eu) fez uma matéria essa semana falando sobre isso e que o João Emanuel Carneiro (o autor de A Favorita) gosta de utilizar os mesmo artifícios e vícios em seu enredo… (alías poderia trocar a Taís Araújo de vez em quando). Não que o trabalho dela seja ruim, mas ela somando o Lázaro Ramos já deu o que tinha que dar (por favor reinvente e vem com a gente – igual o Banco Real)…

O Lázaro é sempre a mesma forma de interpretação… uma pena para quem tem tanto talento!!

Para ler na íntegra a matéria da VEJA, acesse: http://veja.abril.com.br/110608/p_153.shtml

E que sorte da Globo se todos os seus funcionários fossem tão comprometidos, apaixonados e obstinados como o Djalma, mas não são… para exemplos recentes temos o próprio autor da novela anterior (Duas Caras), o excelentíssimo senhor Aguinaldo Silva que fez bobagem de criticar colegas de trabalho (eu não entendo, pois ele que escreve a história… escreve então a história de outra forma)!!! (Leia aqui o inferno do Aguinaldo Silva).

E o próprio Chico Anysio que também falou mal sobre a Globo (Leia mais aqui sobre o humorista desbocado). Alías o filho dele que é humorista, é ótimo como autor, e só. Pois ele e o Lázar Ramos estão competindo quem “atua mais da mesmo forma”.

Mas dá pra ver que de novela a Globo entende mesmo, mas pena que eles não transmitem pois as melhores histórias estão nos bastidores… fora barracos da Glória Maria com ciuminhos da Patrícia Poeta (que simpatia de mulher), e o Galvão Bueno que sempre é saudado nos estádios brasileiros assim: Ei Galvão, vai tomar no c*!!!

Funcionários da Globo são assim mesmo muito comprometidos e vestem a camisa da empresa, e nesse copia de um e copia de outro, poderíamos até comparar que a Record copiou a Globo, assim como a Globo copiou a Igreja Universal sobre como lavar o cérebro dos seus seguidores (funcionários)!!!

É um Q de Queda de Audiência mesmo…